página principal » cidade de Moreno » Chefes do executivo

Chefes do executivo municipal

Lista dos prefeitos que já comandaram Moreno desde sua emancipação política.

Engº Edvaldo Rufino - 2017/2020
Após 12 anos, o ex-prefeito Vavá Rufino é eleito prefeito pela 4ª vez.
Adilson Gomes Filho - 2013/2016
Dilsinho Gomes, como é conhecido, foi eleito com a maior votação já vista em eleições em Moreno. Foram mais 21 mil votos, chegando a 88% dos votos válidos.
Edvard Bernardo Silva - 2009/2012
Com uma diferença de mais de 6 mil votos, Edvard consegue seu terceiro mandato.
Profº Edvard Bernardo - 2005/2008
Com quase 70% dos votos válidos, Edvard ganha as eleições municipais de 2004, dando a Edvaldo Rufino, que apoiava o candidato Rezende, sua pior derrota política.
Engº Edvaldo Rufino - 2001/2004
Eleito com apenas 246 votos a mais que o segundo colocado, Edvard, Rufino chega ao seu terceiro mandato após um pleito bastante tumultuado.
Engº Edvaldo Rufino - 1997/2000
Sr. Jorge Soares - 1993/1996
Engº Edvaldo Rufino - 1989/1992
Profº Edvard Bernardo - 1982/1988
Sr. João Olympio - 1980/1981
João Olímpio assume a prefeitura como interventor em 1980.
Profº Paulo Souza - 1977/1979
Sr. Osias Mendona - 1973/1977
OSIAS GOMES DE MENDONÇA. Obteve a doação, pelo COTONIFÍCIO MORENO S. A., dos prédios onde funcionam o GINÁSIO SAGRADO CORAÇÃO e EDUCANDÁRIO SANTO ANTONIO, e a capela São Sebastião (Igreja Velha); desapropriou o prédio n.° 5, rua Floriano Peixoto, doando ao BANDEPE, para instalação de sua Agência; conseguiu a liberação, pelo MEC, de uma verba de CR$ 285.000,00, para construção de um Grupo Escolar no Alto de Santo Antonio; adquiriu uma ambulância destinada ao Posto Médico-Odontológico de Tapera; desapropriou o terreno da antiga SEMENTEIRA DA FÁBRICA, para construção de escritório comerciais e residenciais; vendeu à TECELAGEM PARAHYBA DO NORDESTE S. A. cerca de 26 hectares pertencentes à Prefeitura, pela módica importância de CR$ 100.000,00, para implantação da Unidade n.° 2; obteve da TELPE a ligação telefônica do Moreno para o Brasil e alguns países estrangeiros; reformou o campo de futebol, dotando-o de iluminação para jogos noturnos; restaurou o pátio da feira, conseguindo com o locatários a construção de barracas e boxes higiênicos; ergueu um alambrado em frente ao Grupo Escolar da Avenida Dr. Sofrônio Portela, a ser concluído; construiu a maior área de calçamento na sede do município; conseguiu, em 1976, a assinatura do Decreto n.° 4.200, sobre a implantação do Distrito Industrial do Moreno (“dormindo em berço esplêndido”, engavetado nas Secretarias do Governo); solicitou ao DER a terraplanagem (novo traçado) da estrada de acesso à BR – 232 (ainda não foi pavimentada, conforme promessa do Governo do Estado).
Sr. Isnald Vasconcelos - 1969/1973
Principais obras: construção do Posto Médico-Odontológico MARIA CRISTINA DE SOUSA LEÃO e Grupo Escolar DONA OLGA GUEIROS, em Bonança. Grupo Escolar BASILEU PORTELA, em Buscau; ponte DR.ANTONIO DE SOUSA LEÃO, no Engenho MORENOS; aumento de 28 x 126 metros no cemitério público da cidade e restauração total do mesmo; implantação do serviço de abastecimento d’água na cidade; extensão da rede elétrica em diversas ruas da sede municipal e em Bonança e instalação da BIBLIOTECA PÚBLICA JOÃO DOURADO.
Sra. Lúcia Maranhão - 8 dias
Dona Lúcia Maranhão renuncia, e seu vice, Isnald de Holanda Vasconcelos, assume a prefeitura.
Sr. Antonio Souza - 15 dias
Sr. Raul Melo - 1963/1969
Raul Melo teve seu mandato prorrogado por mais um ano, dois meses e dez dias, de acordo com o Ato Complementar Nº 37. Destaque para a construção dos Grupos Escolares OTONIEL LOPES e ARGEMIRO NEPOMUCENO, em Moreno, e JORNALISTA EDSON REGIS, em Bonança. Um convênio com o MEC. Ponte ARTUR AVES DE MENDONÇA, 6 abrigos para passageiros e aquisição de um prédio destinado à Garagem da Municipalidade.
Sr. Osias Mendonça - 1963
Sr. Adolfo Santos - 7 dias
Sr. Argemiro Nepomuceno - 1960/1962
Sr. Ney Maranhão - 1959/1963
Sr. Artur Alves de Mendonça - 1958
Sr. Manoel Correia - 1955/1958
Sr. João Carneiro - 1951/1955
Sr. Ney Maranhão - 1951
O Prefeito Ney Maranhão, empossado em 18/11/1951, renunciou, e assumiu em seu lugar o então vice-prefeito João Carneiro da Cunha.
Sr Hamilton Vasconcelos - 4 meses
Presidente da Câmara Hamilton de Holanda Vasconcelos substitui o Prefeito Antonio Sobrinho, que foi afastado por motivos de saúde.
Sr. Antonio Sobrinho - 1947/1951
Sr. Antonio Pereira do Nascimento - 1947
Interventor
Dr. Henrique Portela - 1938/1946
Sr. Antonio Pereira do Nascimento - 1937/1938
Prefeito Antonio Pereira do Nascimento (nomeado por Ato do governador Otávio Correia de Araújo) Esteve à frente da prefeitura de 06 de agosto a 18 de novembro de 1947.
Sr. Artur Alves de Mendonça - 1936/1937
Prefeito Artur Alves de Mendonça, foi demitido juntamente com todos os prefeitos pernambucanos por Ato do interventor federal.
Dr. Temstocles Torres Rezende - 1933/1935
Sr. Djalma de Holanda Vasconcelos - 1936
Interventor
Dr. Antonio Aureliano Silva - 1932/1933
Bel Sofronio Eutiquiano da Paz Portela - 1930/1932
Cel Euclides S. Leão - 1928/1930
Prefeito Cel. Euclides José de Souza Leão foi deposto pela Revolução Liberal.
As mais lidas
30/09/2008
Visualizações: 8.766
27/10/2010
Visualizações: 8.595
22/02/2012
Visualizações: 8.460
13/04/2011
Visualizações: 8.433
01/09/2011
Visualizações: 8.415
31/08/2008
Visualizações: 8.340
05/10/2011
Visualizações: 8.235
03/11/2010
Visualizações: 8.193
22/09/2011
Visualizações: 7.923
16/09/2008
Visualizações: 7.872
01/08/2008
Visualizações: 7.278
15/06/2011
Visualizações: 7.245
21/12/2012
Visualizações: 6.966
25/08/2012
Visualizações: 6.750
26/08/2011
Visualizações: 6.537
Curiosidades
1933 - Falece, no dia 04 de novembro, o britânico Harold William Atkinson, superintendente da SOCIÉTÉ CONTONNIÉRE BELGE-BRESILIENNSE S. A., e grande incentivador do nosso progresso.
1972 - Inauguração, em 02 de maio, da LONEX DO BRASIL S. A. (fabrica de lonas e pastilhas para freios).
1882 - 18 de outubro. Falece, aos 74 anos de idade, o BARÃO DE MORENOS, possuidor de oito engenhos: MORENOS, CATENDE, XIXAIM, VIAGENS, PITIBUM, CARNIJÓ, BOM DIA e BREJO. Deixou uma das grandes fortunas de seu tempo, em Pernambuco, avaliada em 1.063.400 $ (escravos, prédios urbanos, apólices gerais e dívidas a cobrar, e neste total não estavam compreendidas as jóias e ricas alfaias).
1953 - 06 de novembro. Desapropriação amigável de 60 hectares pertencentes a SOCIÉTÉ CONTONNIÉRE BELGE-BRESILIENNSE S. A., mediante a importância de seiscentos mil cruzeiros antigos. João Carneiro da Cunha, prefeito do município, com a renúncia de Ney Albuquerque Maranhão, pagou à outorgante desapropriada, no dia 12 de agosto de 1955, a quantia de duzentos mil cruzeiros antigos (saldo devedor).
1966 - Os acionistas da SOCIÉTÉ CONTONNIÉRE BELGE-BRESILIENNSE S. A., resolvem constituir, sob a denominação de COTONIFÍCIO MORENO, uma Sociedade Anônima. 15.08.1970, o COTONIFÍCIO MORENO S. A. passou para o controle acionário de um grupo brasileiro chefiado pelo dr. Fernando Perez Garcia, que se afastou em 1972, assumindo a presidência o acionista Carlos Alberto Menezes Sá, que renunciou ao seu cargo em 21.01.1975, sendo eleito diretor-presidente o dr. Antonio Olinto Victor de Araújo,
1920 - Criação, em 25 de agosto, pelo padre Edmundo Kleipool, da ESCOLA PAROQUIAL, funcionando na capela do Engenho CATENDE, (o padre Edmundo foi o primeiro vigário da nossa paróquia, tomando posse em 1° de fevereiro de 1919; faleceu no dia 09 de junho de 1958). Sua primeira professora dói dona Severina Almeida Rocha (SEVY), recém-chegada do Recife.
1950 - Inauguração da ALGODOEIRA UNIÃO DO BRASIL S. A. (antecessora da TECELAGEM PARAHYBA DO NORDESTE S. A. unidades I e II). Fábrica de cobertores.
Leonardo Rodrigo, leoecia.com - 1998/2014. © Todos os direitos reservados.